Por Elcyr Carreira da Costa

Brasileiros

Nós sofremos
sentimos, sorrimos e cantamos
arte também é pra denunciar
porque nem tudo aqui é
coqueiro, praia e banana

também tem
fome, favela e corrupção

arte é pra viver
a arte de viver
nascer e renascer a cada dia

é pra sentir
não é pra vender
é pra ensinar
não para fugir ou alienar

porque nem tudo aqui é
macaco futebol samba
também tem poluição
chacina e má distribuição.

Madrugadas

A cidade silenciou
Somente cachorros ladram distantes
ruídos passam e se vão
Quebro o silêncio da minha alcova
Deixo invadir a harmonia
acordes circulam, circundam
viajam….soltos no ar
espírito divaga.
o idioma universal
o sussurrar dos anjos.